Jul 16, 2008

BOOTCAMP – PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO

Um curso que desejo muito fazer é o Bootcamp – Planejamento de Comunicação pela Miami AD School | Escola Superior de Propaganda e Marketing.

Ok! Seja honesto. Qual é o melhor lado do seu cérebro?

Se você quiser ser um planejador de comunicação, é preferível que o melhor lado do seu cérebro seja aquele onde abriga a sua intuição.

Isso porque, nesta área, os seus mais íntimos sentimentos são fundamentais.

Você precisa aprimorar o uso da sua intuição.

Você é capaz de pensar tal como pensa um consumidor? E se ele tiver 13 anos,ou 30, ou 60? Você é capaz de prever tendências com base em dados pouco transparentes? Você é capaz de transpor tudo isso e encontrar uma idéia luminosa que conduza a uma propaganda criativa e brilhante?

Vamos supor que você tenha todas estas habilidades. Ótimo. Mas você também gosta de lidar com pessoas? Melhor que sim, pois terá que trabalhar com excêntricos pelo resto de sua vida.

Diretores de Arte e Redatores são de outro planeta e você terá que aprender sua ‘linguagem alienígena’. Terá que ser parte de suas maluquices enquanto os estiver liderando para descobrir aquela idéia dourada que irá persuadir os consumidores a comprar uma determinada marca ao invés de outra.

Imagine isto: você vai ter que escrever um briefing criativo que irá acender sua equipe criadora (uma dupla de leões que se banqueteia com criatividade e dilacera pensamentos e idéias como se fossem vários pedaços de carne).

Mas é para isso que a agência está pagando você.

O BootCamp – Planejamento de Comunicação contribui para mostrar ao mercado a enorme importância que o trabalho dos planejadores tem no processo criativo das agências.

Por outro lado, Planejadores são difíceis de serem encontrados.

Poucas escolas dedicam-se a treinar Planejadores e muitas agências não tem disponibilidade de pessoas e/ou tempo para treiná-los.

E todo o mundo está procurando por eles.

Quer ser procurado e encontrado? Esta é a sua oportunidade!

Atualmente, este programa é oferecido em Madri, Miami, Mineápolis, São Francisco, Hamburgo e São Paulo. A cada semana, um novo tema. Cada um desses temas será trabalhado em 2 encontros com os melhores profissionais da área de Planejamento das grandes agências.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO, no link abaixo:

LISTA DE DISCIPLINAS DE BOOTCAMP – PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO

PLANEJAMENTO: UMA VISÃO GERAL

Laura Chiavone – Sócia Diretora da Limonade

O que é planejamento e por que ele existe? Qual é o seu papel dentro da agência? Uma visão geral sobre o que é planejamento e como ele é feito, quando ele apareceu e como ele evoluiu.

ENTENDENDO O PROBLEMA

Ulisses Zamboni – Sócio Presidente da Santa Clara

Como definir de maneira correta o problema que a marca enfrenta e o que a comunicação pode fazer por isso? Que tipo de informação pode ajudar, como encontra-la e como trabalhar com ela? É a hora de discutir todas as milhares de influências que determinam os caminhos de uma marca e também de usar modelos de análise de mercado, comunicação, concorrência, influências culturais, etc.

BRIEFING

Daniela Bombonato – Diretora de Planejamento da Ogilvy

Como escrever um bom briefing? Como distinguir um bom de um mal briefing?Como brifar? Entender o briefing como o pivô de um processo de pensamento estratégico e o começo do processo criativo.

ENTENDENDO A IDÉIA

Fernando Diniz – Gerente de Planejamento da Young & Rubican

O foco dessa aula é ajudar os alunos a terem idéias, expressá-las de maneira correta e também desenvolver as idéias dos outros. Identificando idéias na propaganda: o que está por trás de um anúncio, qual é a diferença entre idéia estratégica, idéia criativa e idéia execucional. Analisando um conceito e as possibilidades criativas que ele gera.

PESQUISA QUALITATIVA

Isabel Nascimento – Planejamento da Almap BBDO

O que é uma pesquisa qualitativa e qual é o seu papel para o planejador? Qual é a diferença entre pesquisa qualitativa de pesquisa qualitativa para planejamento? Usando pesquisa para gerar insights. Usos da quali: desenvolvimento estratégico, desenvolvimento criativo, conhecendo o target e explorando hot issues. Como desenhar uma pesquisa: desde de o recrutamento das pessoas certas até o debrief, passando pela redação do roteiro e moderação. Técnica: grupos, mini-grupos, entrevistas em profundidade, etnografias e etc.

PESQUISA QUANTITATIVA

Cecília Russo – Diretora da Troiano Consult

Como utilizar dados quantitativos para entender a posição de uma marca? Como transformar tabelas indigestas em informação que vale à pena? Análise dos vários tipos de dados quantitativos que o planejador tem que encarar: auditorias de varejo, pesquisas do cliente, estudos de segmentação e estudos ad-hoc. O foco aqui não é tornar-se um especialista em quanti, mas conhecer esse tipo de informação na medida em que o planejador é exigido.

BRANDING & TOTAL BRAND EXPERIENCE

Pedro Cruz – Diretor de Planejamento – Africa

O que é uma marca? Como as pessoas e as marcasse relacionam? O foco aqui está em como conduzir uma marca do problemaà solução. Definindo a visão de uma marca, seu posicionamento decomunicação e estratégia criativa. Definindo o brand experience apartir dessa visão.

PLANEJADORES COMO AGENTES DE MUDANÇA
Bibiana Lopez – Sócia Diretora da Movimentum

Os negócios de hoje são dominados por uma palavra: mudança. Como estrategistas, os planejadores devem aprender ser fluentes em como a mudança afeta o negócio. Além do mais, os planejadores devem ser proficientes nas ferramentas de uma comunicação requeridas para uma mudança segura.

EXPLORANDO NOVOS NEGÓCIOS

Carla Sá – VP de Planejamento Estratégico da Lew Lara

Como fazer planejamento com menos tempo, menos dinheiro, menos informação e ainda dar um show? Explorar os objetivos e as condições de um projeto de New Business. Analisar o papel do planejamento, fazendo o seu trabalho e também acompanhando o trabalho de todas as outras áreas da agência. Técnicas de apresentação.

AVALIANDO EFICIÊNCIA

Eduardo Lorenzi – Diretor de Planejamento NeogamaBBH

É fato: em algum momento da vida, planejadores se deparam com um pré-teste ou com um pós-teste. Como fazer isso de maneira construtiva? Definindo critérios de avaliação. Conhecendo benefícios e desvantagens de técnicas e metodologias diferentes. Administrando a expectativa de criativos e clientes. Desenvolvendo estudos de desenvolvimento criativo que verdadeiramente contribuam para uma comunicação melhor. voltar

Mais informações sobre o curso no site.